Scripts nos Podcasts?

PODCASTS
Como fazer o teu script?

O Script no podcast

Um dos processos mais intimidantes de começar o teu próprio podcast está em perceber qual a melhor forma de o organizar e qual é habitualmente a fórmula usada pelos podcasts mais informativos e bem sucedidos.

Podes até estar a dizer-te que queres fazer um podcast porque gostas de falar e não de escrever, certo? Porém é essencial ter a clara noção de que dificilmente algo flui sem um plano.

A grande maioria dos podcasters experientes sabem que produzir um podcast sem um script é como iniciar uma viagem longa sem ligar o GPS… sabes para onde queres ir e provavelmente chegas lá sem indicações, mas provavelmente não sabes o caminho mais eficiente, onde terás menos hipóteses de te perder e nem conseguirás lidar com possíveis obstáculos imprevisíveis.

Ora, é por isso que escrevo este texto. Não porque te quero limitar, mas porque te quero permitir ser mais livre e conseguires atingir os objectivos que te propões com o teu podcast.

Podes ver o script de um podcast como um guião para uma peça ou um filme. Onde o facto de tudo estar estruturado, organizado e pensado permitirá que te concentres no conteúdo e na tua missão de forma mais natural.

Os scripts de podcast, ao contrário dos guiões mencionados, podem ir de uma estrutura simples por tópicos e indicação de caminho de conversa até um texto exaustivo e detalhado de cada passo e cada palavra (às vezes até o tom a usar na voz). Esta diferença vai depender inteiramente de ti e com o tempo e experiência perceberás qual se adequa mais a ti.

Recorda que um podcast deve ter entre 15 a 20 minutos quando é generalista ou informativo ou ascender até um máximo de 45 minutos em casos de entrevistas, participações especiais ou quando é formativo.

Independentemente das características pessoais e cunho que darás ao teu script todos eles possuem três grandes objectivos:

  • Dar estrutura e ritmo
  • Desenhar o caminho e direcção
  • Oferecer eficácia e eficiência

Isto faz com que seja a ferramenta mais importante para evitar que te percas, que mudes o assunto grosseiramente, que erres nos detalhes e, acima de tudo, ajudar no trabalho pós-gravação: a produção e edição do podcast final.

A estrutura do podcast de sucesso

Para começar é importante que definas o teu estilo de script. Vais optar por ser detalhado ou resumido? Alguns podcasters escrevem o texto que usam na íntegra enquanto que outros criam uma checklist de pontos e uma estrutura apenas.

Acima de tudo, para começar é importante que definas a base que vais usar para conseguires uniformizar todos os episódios e ofereceres uma estrutura clara a quem te vai ouvir. Claro que que a cada episódio irás mudar detalhes, conteúdos e até ordenação dos momentos, mas na maioria das vezes os ouvintes necessitam de ter algo estruturado como habitual já que foi isso que os segurou à partida.

Vou então listar a ordenação habitual e tida como mais apropriada para um podcast, de acordo com os vários existentes e com os resultados obtidos.

1A. INTRO

Se já ouviste podcasts já percebeste que os primeiros segundos se dedicam a apresentar o episódio e resumir em jeito de sinopse o que vais trazer no conteúdo. Esta introdução deverá ser idealmente de 8 a 15 segundos com um tom solto, mas rápido. A ideia é que seja curto, esclarecedor, acolhedor e informativo. Atenta no exemplo:

Olá e bem vindo ao [número do episódio], onde vou falar de [tópico principal] e até de [tópico secundário]. O meu nome é [podcaster] e este é [nome do podcast]. Vamos começar!

1B. JINGLE

Todos os podcasts possuem uma música adequada ao tom, tema e objectivo que serve de genérico, separador e ear-catcher. Esta música acaba muitas vezes por ser identificativa do podcast ao ponto de criar fidelidade e reconhecimento de forma exemplar nos ouvintes.
Normalmente esta música genérico tem a duração de 10 a 15 segundos até um máximo de 30 a 45 segundos em casos especiais (quando a música possui letra cantada).

1C. GUEST

Alguns podcasts possuem convidados ou são baseados numa entrevista ou, ainda, têm uma participação especial e é normalmente nesta fase que se faz a apresentação do convidado.
Quando este é o caso é muito importante apresentar o convidado com o máximo de informação relevante e não esquecer este passo. De perceber também que qualquer convidado gosta de perceber que sabemos coisas sobre ele, que o sabemos apresentar e dar mais detalhes do que simplesmente oferecer um nome solto.
Compila a informação relevante do teu convidado e certifica-te que não estás a exagerar ou a diminuir (ou até errar) nos detalhes que ofereces. Depois inclui um contexto para o porquê desta participação no podcast oferecendo-lhe credibilidade.

1D. SPONSOR

Alguns podcasts de sucesso começam a receber apoios e patrocinadores e a altura correcta para essa divulgação é imediatamente antes de iniciar o conteúdo. Vê este passo também como opcional, mas percebe que um patrocinador funciona como um convidado do podcast e então é necessário que esteja patente de forma clara e muito rápida.

2A. SEGUE

Antes de cada secção de conteúdo, a separar o conteúdo da introdução ou até a separar tópicos distintos de conteúdo é habitual correr um minúsculo bloco de som como separador. Habitualmente é uma diminuta, mas reconhecível, parte do genérico (jingle) do podcast.
Este som é também muito útil para oferecer organização racional e temporal aos ouvintes até porque na maioria das vezes os podcasts são dinâmicos e activos e por isso é importante fazer pausas e divisórias entre secções de conteúdo ou blocos.

2B. BLOCK

Esta secção representa um bloco de conteúdo propriamente dito. Pode ser um dos tópicos que definiste ou uma parte do texto que detalhaste para desenvolver o tema a que o episódio se propõe. Em casos de entrevista pode até ser um bloco de uma pergunta e resposta.
Aqui cabe-te a ti definir a estrutura, o ritmo e os blocos.
Quando um bloco termina repetes o 2A e o 2B até atingires a fase em que inicias a conclusão.

3A. OUTRO

No jargão de internet o contrário de INtro é OUTro, que nada mais é do que a conclusão do teu podcast. Pensa nesta fase como uma forma de sumarizar ou recapitular o que foi apresentado ou discutido e como vês o conteúdo a ser útil para o ouvinte.
Assegura-te de que agradeces a algum convidado que tenhas tido e à audiência em geral.

3B.SEGUE/SPONSOR

Alguns podcasters repetem a secção SPONSOR nesta recta final, embora na verdade isso tenha a tendência a quebrar o ritmo e poderá ser desagradável para o ouvinte. Alturas em que este momento faz imenso sentido é quando o patrocínio é do próprio podcaster ou dos seus serviços.
Inevitavelmente durante este momento é habitual usar um diminuto bloco de som separador que pode, ou não, ser igual aos teus separadores habituais.

3C. CTA

Call to Action, ou o incentivo à acção, é o momento em que se inclui um desafio ou um conselho convincente ao ouvinte em que, na maioria das vezes pretende fidelizar o ouvinte, receber feedback ou disseminar o podcast por um público maior.
Há alguma coisa que queres que a comunidade faça? Pede-lhes isso de forma concisa e directa: comentar e fazer uma review do podcast (em especial no Apple Podcasts), juntar-se a um determinado grupo, visitar determinada página online, assinar uma newsletter ou pedir sugestões, são algumas das situações que podes incluir neste bloco do script.

3D. NEXT/END

A esta altura é importante criar algum suspense sobre o próximo (ou próximos) episódio e falar da sua calendarização de forma a informar os ouvintes quando podem ouvir mais conteúdo teu.
Alguns podcasters aproveitam também esta altura para explicar como aceder a material de apoio que possa ter a ver com o podcast.
Eis que é altura de te despedires e até deixares no ar uma frase que te caracterize ou que se relacione com o tema que abordaste.

3E. JINGLE

O podcast termina habitualmente com a música genérico definida para o podcast e usada no início do episódio.
É comum a música estar em volume reduzido para que alguns créditos e agradecimentos possam ser incluídos em voz sobreposta. Algo como: «Este podcast foi criado por [nome] e produzido por [nome] para [comunidade/grupo/projecto]. O [nome do podcast] é um produto exclusivo com direitos reservados a [autor/empresa].»

E estes são os blocos habituais e a estrutura cronológica de um script para o teu podcast. Agora é hora de adaptares às tuas características pessoais e colocar em contexto com o teu tema e a tua forma de conduzir o podcast.

Exemplos de script

MINIMALISTA

Muitos podcasters lidam bem com um script tipo lista de compras para estruturar o episódio do podcast. É certo que este tipo de script é mais utilizado por todos os que possuem bastante experiência na condução de podcasts ou similares e por isso em grande parte este tipo de scrip chega para organizar e servir de orientação.

– Introdução: [tema] e episódio [número] – duração _____
– Patrocinador
– Música
– Tópico [tópico 1] – duração ______
– Notas ao tópico
– Tópico [tópico 2] – duração ______
– Notas ao tópico
– Segue
– Tópico [tópico 3] – duração ______
– Notas ao tópico
– Tópico [tópico 4] – duração ______
– Notas ao tópico
– Conclusão
– Próximo tema sobre [tema seguinte]
– Música

E eis aqui um plano simples que é mesmo o mínimo que eu aconselho. Porém não quero deixar de recorda que um script destes exige muita experiência em conduzir tempos, orientar discurso e manter o foco.

SOLO PODCAST

Se o teu podcast é apenas contigo e se parte de ti para os ouvintes encontrarás maior conforto se te dedicares ao script de forma detalhada criando de forma clara a estrutura, o ritmo e o alinhamento. Lembra-te que como estás a falar só não possuis o tempo necessário para reorganizar ideais durante a gravação (em especial se fizeres directos).
Aconselho então que pegues no teu bloco de trabalho e organizes o teu script seguindo os blocos que expliquei e determinando tempos e ritmos, bem como detalhando o conteúdo.

1a. Intro: Duração _______

[escreve a tua apresentação aqui]
[escreve o sumário do episódio aqui]
[escreve uma frase de boas vindas]

1b. Jingle: Duração _______

1d. Sponsor: Duração ______

[apresenta o patrocinador de forma rápida aqui se existir]
[dá uma rápida ligação do patrocínio ao podcast aqui se existir]

2a. Segue

2b. Block 1: Duração______

[Apresenta e desenvolve o tópico aqui]
[Oferece pontos de vista que apoiam o tópico e exemplos aqui]
[Cita frases, fontes, materiais de apoio e outras informações sobre o tópico aqui]

2b. Block 2: Duração______

[Apresenta e desenvolve o tópico aqui]
[Oferece pontos de vista que apoiam o tópico e exemplos aqui]
[Cita frases, fontes, materiais de apoio e outras informações sobre o tópico aqui]

Repete os blocos 2a e 2b as vezes necessárias para incluir o teu conteúdo na totalidade.

3a. Outro: Duração______

[Recapitula todo o conteúdo sumarizado aqui]
[Mostra em que este conteúdo pode ser útil ao ouvinte aqui]
[Agradece ao ouvinte por ter acompanhado o podcast aqui]

3b. Segue

3c. CTA: Duração______

[Incentiva o ouvinte a fazer algo que necessites, por exemplo a fazer uma review do podcast, a partilhar com amigos ou a descarregar o material de apoio eventual aqui]

3d. Next/End: Duração______

[Despede-te do ouvinte marcando importância no próximo podcast aqui]
[Dá um mote rápido (teaser) do tema do próximo podcast aqui]
[Deixa uma frase final que te caracteriza para terminar o episódio aqui]

3e. Jingle

[Grava os créditos do teu podcast que serão colocados sobre o jingle mencionando o copyright, a produção, a edição e os detalhes necessários]

PODCAST ENTREVISTA/CONVERSA

Os podcasts mais populares na internet possuem o formato de entrevista ou de participações especiais a focarem determinados temas. A audiência adora interacção e conversas orgânicas e soltas recebendo a sensação que estão sentadas à mesa com amigos e esse deve ser o tom e o ambiente deste tipo de podcasts.
Ainda que solto e aparentemente livre também estes podcasts necessitam de um guião determinado que na maior parte das vezes não compreende as respostas do interlocutor, mas aponta claramente para o tempo que o locutor oferecerá a cada resposta. Vejamos o exemplo aconselhado:

1a. Intro: Duração _______

[escreve a tua apresentação aqui]
[escreve o sumário do episódio aqui]
[escreve uma frase de boas vindas]
[dá as boas vindas numa curtíssima apresentação do convidado aqui]

1b. Jingle: Duração _______

1c. Guest: Duração_______

[apresenta o convidado mais ao detalhe aqui. Fala da biografia e qualquer percurso académico que faça sentido para o tema. Apresenta a profissão, a experiência e algum detalhe relevante para o conteúdo da entrevista]
[agradece a presença ao entrevistado e permite-lhe uma rápida frase de agradecimento também]

1d. Sponsor: Duração ______

[apresenta o patrocinador de forma rápida aqui se existir]
[dá uma rápida ligação do patrocínio ao podcast aqui se existir]

2a. Segue

2b. Block 1: Duração______

[Apresenta e desenvolve o tópico aqui]
[Faz a tua pergunta aqui de forma concisa e esclarecedora]
[fornece algum tempo para uma resposta e interage de volta quando necessário, sempre com atenção aos tempos que reservaste para este bloco]

2b. Block 2: Duração______

[Apresenta e desenvolve o tópico aqui]
[Faz a tua pergunta aqui de forma concisa e esclarecedora]
[fornece algum tempo para uma resposta e interage de volta quando necessário, sempre com atenção aos tempos que reservaste para este bloco]

Repete os blocos 2a e 2b as vezes necessárias para incluir o teu conteúdo na totalidade.

3a. Outro: Duração______

[Recapitula todo o conteúdo sumarizado aqui]
[Mostra em que este conteúdo pode ser útil ao ouvinte aqui]
[Agradece ao convidado e oferece um rasgado elogio aqui]
[Permite um rápido momento de despedida ao convidado aqui]
[Agradece ao ouvinte por ter acompanhado o podcast aqui]

3b. Segue

3c. CTA: Duração______

[Incentiva o ouvinte a fazer algo que necessites, por exemplo a fazer uma review do podcast, a partilhar com amigos ou a descarregar o material de apoio eventual aqui]
[Apresenta uma forma de contactar o convidado caso este queira a divulgação aqui]

3d. Next/End: Duração______

[Despede-te do ouvinte marcando importância no próximo podcast aqui]
[Dá um mote rápido (teaser) do tema ou convidado do próximo podcast aqui]
[Deixa uma frase final que te caracteriza para terminar o episódio aqui]

3e. Jingle: Duração______

[Grava os créditos do teu podcast que serão colocados sobre o jingle mencionando o copyright, a produção, a edição e os detalhes necessários]

Script feito... e agora?

Agora com o teu script na mão é hora de o reveres e imaginares em funcionamento. Certamente, enquanto o visualizas sentes que há alturas em que deves fazer pausas, criar suspense ou falar mais rápido para criar ritmo, naturalidade e uma sensação orgânica ao podcast e por isso com outra cor adiciona pequenas anotações no script como te aprouver.

Por fim, clareia a voz, prepara o timbre adequado e o tom, prepara o teu material técnico e começa a fazer o teu podcast sem receios ou julgamentos. Lembra-te que o pior crítico somos nós!

Comentários

error

Gostou da página? Partilhe-a! :)

Canal do YouTube
LinkedIn
Share
RSS
Seguir por Email